Páginas

~ 15.11.11 ~

Mil acasos me levam a você
O sábado, o signo, o carnaval
Mil acasos me tomam pela mão
A feira, o feriado nacional.


Skank

Dormi com a quase certeza de que você viria me despertar, porém não foi assim, nunca foi e não irá ser. Você no seu canto  lendo jornal e café preto com pouco açúcar e eu aqui no meu canto com sono ainda pelas 11:30h, quando o vizinho começou a fazer barulho com o cortador de grama eu acordei, mas não levantei da cama, lembrava de como eu era bonita quando te conheci e do quanto você também era bonito.   Meio melancólica essa coisa de afetos e lembranças, sempre fazem a gente chorar, o pior é chorar ainda com remela nos olhos, parece que arde, parece que alguém abre a janela e o sol entra cegando. Lembrei do dia em que fui naquele café e fumava um filtro amarelo enquanto lia um livro bizarro, o moço da copa que me trouxe um café forte por engano, pois eu havia pedido cappuccino olhava pra mim esperando algo mais do que um obrigado, ah dispensei aquele moço por que te vi la no final, quase perto do banheiro rindo com outros rapazes, teus colegas de trabalho. Riam tão alto que nem parecíamos estar em um café e sim numa cervejaria, você era o que falava mais alto e ria. Quando me percebeu te olhando estranhou a careta que eu lhe fiz e levantei o livro pra você perceber o quanto atrapalhava a minha leitura, você ficou imobilizado, mas depois apontou o dedo pra mim e todos seus amigos começaram a rir e debochar, "Nossa, olha a mocinha, ela quer ler gente!", "Deixa ela ler a Alice no Pais das Maravilhas, vai deixa". Nesse momento eu fiquei tão furiosa e vermelha que sai, sem tomar o café, deixei o cigarro aceso no cinzeiro, nem lembro se ja havia pago a conta, sei que sai furiosa e você correu atrás de mim quando eu quase cruzava o quarteirão, você me olhou nos olhos e pediu desculpas meio sem folego, e vermelho, como quem tivesse corrido muito. Aceitei suas desculpas e dei uma risada nervosa, quando percebi teus olhos castanhos quase me constrangendo de tanta vergonha, " Só avisa seus amigos que não é Alice no País das Maravilhas e sim o Diário de Anne Frank", você riu e soltou uma, "acho que eles vão querer saber seu numero também!" Acho que foi nesse exato momento que me apaixonei por ti.

Tati Lemos

13 comentários:

  1. Belas palavras, e bem fofo seu texto.

    ps: Fiz uma página do meu blog no facebook. Se você curte o "In My World" curte a página por favor :) (https://www.facebook.com/pages/In-My-World/109867479127783). Obrigada desde já.

    beijos ;**

    ResponderExcluir
  2. Isso se chama saudade, quando a gente lembra de gestos e falas do outros...

    ResponderExcluir
  3. Muito profundo Tati!! Amei o texto!!

    ResponderExcluir
  4. que lindo....

    eu me apaixono facil tb... amei o texto...
    e a gente se doa e dói, como vc mesma me disse...
    beijoo

    ResponderExcluir
  5. Tati, qdo leio teus textos passa um filme ana imaginação...tão bonitos!
    Parabéns!
    bjs

    ResponderExcluir
  6. é quando não esperamos e as coisas acontecem .

    Adorei . Beijos :)

    ResponderExcluir
  7. Seja muito bem vinda ao meu jardim!!!

    Um beijo da Nita.
    De boa manhã!

    ResponderExcluir
  8. Esse texto me doeu, Tati, me tocou.

    Lindo como sempre é tudo aqui, mas esse...bem, esse teve algo de especial.


    Um beijo, flor.

    ResponderExcluir
  9. Tati,


    Boa Tarde!
    Tudo bem ???

    Passando para desejar um ótimo restinho de semana!

    Tem post novo lá no Blog! (dá uma passada^^)

    CURTA NOSSA PÁGINA::: http://www.facebook.com/pages/ARTES-DE-JULIA/207592012639130


    Bjs e sucesso sempre!

    ResponderExcluir
  10. Moça, vim agradecer sua visita e carinho de sempre e avisar: tem promoção no meu blog pra todos que seguem e me dedicam carinho! =)

    ResponderExcluir
  11. Tati, lindo texto, carregado de poesia e nostalgia. Não há que se perder este amor, há que se transformar se assim for. Você é maior do que as palavras dizem... Bjs, Moran

    ResponderExcluir
  12. Simplesmente perfeito esse conto! Me apaixonei pelo carinha *-* hahaha
    Beijos

    http://fugaadarealidade.blogspot.com/

    ResponderExcluir

22, leonina, estudante de Recursos Humanos, feminista, louca, exagerada, dramática, maníaca, fantasiosa, apaixonada, delirante, cinéfila, MPB, paz e amor e viciada em café.

 
Por ti, pra ti © todos os direitos reservados :: voltar para o topo