Páginas

~ 3.5.12 ~

Bete Balança meu amor...
Cazuza


Estive pensando em comprar um livro novo da Martha Medeiros ou quem sabe terminar de ler o do Caio que parei no primeiro capitulo. Só eles pra entenderem o que eu ando sentindo, uma repugnância da minha própria vida, ai que horror eu falando assim, descaradamente, mas é verdade. Depois que eu larguei a faculdade eu fico trancada em casa que nem uma doente, com um chinelinho de japonês e uma bata rosa que nem uma louca. Pensei na Martha Medeiros, por que ela faz a vida ficar tão engraçada e faz a gente perceber a personalidade das pessoas, o Caio por que quando tu pensa que tá tudo fodido, ele mostra que podia ser bem pior, então tu se contenta com aquilo, e é o que eu to precisando no momento.
Andei  lendo por ai que escutar as mesmas musicas sempre retarda a mente e o coração, encontrei algumas musicas do Kravitz e baixei, pena que são tristes.

Tati Lemos

12 comentários:

  1. Um mimo, vc foi muito feliz na sua opção de postagem, esteve iluminada, gosto muito de passear por aqui, pois encontro pérolas a cada visita, pra vc bjos, bjos e bjosssssssssssssssss

    ResponderExcluir
  2. Oi Tati,

    Largou a faculdade?
    As vezes a gente fica assim mesmo, sem ânimo, sem rumo,uma falta de vontade de viver...
    Mas já já, isso passa, já já as coisas mudam... tudo sempre muda.

    Ah concordo plenamente com o que você disse sobre a Martha Medeiros e o Caio Fernando de Abreu. E além de tudo certas coisas parecem ter sido escritas para a gente né? Conseguem nos descrever muito bem.

    Beijo querida.
    Se cuida.

    Além das Palavras
    (umpoucodemimsm.blogspot.com)

    ResponderExcluir
  3. O Tati,

    As vezes a vida parece dar uma rasteira na gente! mas lembre-se: se a gente nao gostar da gente mesmo, quem ira?

    Vc eh jovem e linda! aproveite a vida como ela te aparece ;)
    Nao deixe o cansaco da rotina estragar tudo nao!!!!!

    Adoro seus posts! me desculpa ter sumido... a vida de ca, anda correndo rapido demais.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Moça to aqui torcendo por você, lembre-se: tudo na vida passa
    ps: te coloquei na lista dos meus favoritos.

    ResponderExcluir
  5. Tudo é fase , certo ?
    então essa fase tbm vai passar ...

    Bjus e saudades =)

    ResponderExcluir
  6. Tati... faz uma caminhada, ve um filme, leia bastante!!!
    tudo passa...
    faça novos planos... tente ser mais feliz.

    "Quero continuar a ter esse olhar capaz de se encantar com coisas que vê mesmo quando, particularmente, a minha história se torna difícil de ser lida."

    beijos

    ResponderExcluir
  7. Tanta gente deu boas dicas... E ai no Sul tem muita coisa legal pra fazer ou ir. :)

    Vai uma dica musical pesquisa sobre o Cícero caso não o conheça.

    Espero que logo encontre algo bacana pra fazer. :)

    ResponderExcluir
  8. Nunca li Caio Fernando Abreu, qualquer dia compro um livro dele.;D

    Beijos querida!!

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  10. Fases, querida, fases. E acredite esse é o clichê mais verdadeiro que existe: elas passam.

    ResponderExcluir
  11. Nunca li Martha ou Caio, em geral porque não faz muito o meu estilo.
    Entendo esse momento chinelo e bata rosa... mesmo ainda na faculdade, sobrevivendo, vegeto um pouco.

    Todo mundo tem uma fase assim, vez ou outra, pelo menos as mulheres.

    Beijo!
    OS: Tem Promoção valendo o livro “É tudo tão simples” lá no blog!
    http://milalices.blogspot.com.br/2012/05/e-tudo-tao-simples.html

    ResponderExcluir

22, leonina, estudante de Recursos Humanos, feminista, louca, exagerada, dramática, maníaca, fantasiosa, apaixonada, delirante, cinéfila, MPB, paz e amor e viciada em café.

 
Por ti, pra ti © todos os direitos reservados :: voltar para o topo